Viagem
Conhecendo o Chile de norte a sul
Fotografia
6 on 6: abril de 2017
Fotografia
6 on 6: agosto de 2017
Dicas
Siga a Minka Winka nas redes sociais
Ilustração
Usando bico de pena pela primeira vez
Continue Lendo

Olá, pessoal. Tudo bem?

Iniciei um curso de costura no Senac aqui em Brasília faz uns dois anos, e por mais que tenha sido pouco tempo de duração, aprendi bastante coisa. Aprendi a tirar medidas, fazer modelagem, costurar peças básicas e o principal, ter paciência e ser perfeccionista. Costurou uma linha torta? Desfaz a costura e passa na máquina novamente. Tudo precisava ser perfeito e muito, muito bem feito. Acabei levando esse ensinamento para outras áreas e considero que a qualidade dos meus trabalhos deu um salto depois disso.

Fazia tempo que não costurava, mas depois de ler alguns posts sobre armário-cápsula me motivei a comprar tecidos diferentes e confeccionar as minhas próprias peças. A blusa que vou mostrar para vocês eu costurei para a Nayara, nas medidas dela e com o tecido que ela escolheu, viscose estampada com fundo preto. A ideia aqui não é ensinar a costurar e sim mostrar o processo do que ando produzindo nos últimos dias. Espero que gostem!

IMG_2988

Primeiramente, tirei todas as medidas da Nay com fita métrica e transferi para o papel vegetal. Fixei ao tecido com alfinete cabeça de vidro e deixei quase 2cm de margem para costura. Gosto de usar esse tipo de alfinete pois eles não derretem caso você passe acidentalmente com o ferro de passar, evitando qualquer tipo de dano.

IMG_2989

Além das duas peças principais, cortei dois forros com as medidas exatas de cada uma das peças. Depois disso, passei cada um dos forros na máquina overlock para evitar desfiamento do tecido.

Aproveitei que já estava na máquina overlock e passei também nas laterais individualmente, ou seja, não passei fechando as laterais, pois queria fazer uma abertura no lado para deixar a blusa mais charmosa.

Fiz alguns detalhes nas alças para deixar a peça única. Cortei duas faixas de 4 cm de largura e 80cm de comprimento, dobrei ao meio e cortei novamente, ficando com 4 alcinhas no final. Medi a altura das alças finas no corpo da Nay e costurei à blusa. Ficou um detalhe bem interessante, né?

Depois disso, fiz a bainha e voilá! A blusa ficou do jeitinho que eu queria e a modelo ficou ainda mais satisfeita. Olhem só como ficou!

Eu já tenho mais um tecido aqui comigo para fazer um outro modelo de blusinha. Em breve postarei para vocês o processo de confecção de outra blusa e várias fotos. Espero que tenham gostado do post de hoje.

É isso, pessoal. Um beijão e até mais!

Facebook  |  Twitter  |  Instagram da Mariana  |  Instagram da Nayara  |  DeviantArt  | Bloglovin’

badge_post_01

Leia mais sobre Blusacostura
Gostou? compartilhe
postado por
Mariana
Gêmea mais nova e fissurada por jogos de tabuleiro. Amante das artes e fascinada por fazer as coisas com as próprias mãos. Se não consegue encontrar na loja o que deseja, vai lá e faz.
  1. Isabelle Kelly 29/08/2015

    Quero ver várias outras confecções! Que talento ♥
    Amei o resultado!
    http://www.blogdaisa.com

    • Mariana Brito respondeu Isabelle Kelly 31/08/2015

      Muito obrigada, Isa! Em breve costurarei mais blusinhas fofinhas assim. 🙂

  2. Vanessa Porto 29/08/2015

    Que legal, Mari! Acho que você deveria investir nisso, hein! Tu leva o maior jeito para a coisa!! Daqui a pouco vai ter fila de gente querendo roupa sua.

    …………………
    http://limonadacaramelizada.wordpress.com

    • Mariana Brito respondeu Vanessa Porto 31/08/2015

      Hahaha! Eu gosto bastante de costurar, mas leva tanto tempo para terminar uma peça que as vezes penso se não seria melhor comprar logo de uma vez. Mas quando vejo a roupa pronta, me encho de vontade de costurar novamente e brincar com as modelagens e cores. Tô esperando essa secura daqui passar para ver se a preguiça sai de mim. Esse clima daqui não é de Deus! Arigatou, Bane-chan!

      • Vanessa Porto respondeu Mariana Brito 04/09/2015

        “esse clima não é de deus” é ótimo! xD Morri! huahahahah! Faço minhas as suas palavras. Parece que esse ano tá mais seco que no ano passado. u.u

        • Mariana Brito respondeu Vanessa Porto 06/09/2015

          Eu tô achando isso tbm. Eu mal saio na rua e já volto com a cara toda craquelada. Haja creme hidratante!

  3. Midori 31/08/2015

    Nossa, Mari! Ficou linda!
    Eu bem que queria saber costurar, mas não levo jeito pra isso rsrsrs
    To doida pra ver outras confecções 🙂

    • Mariana Brito respondeu Midori 31/08/2015

      Muito obrigada, Midori! Assim que eu tiver mais inspirada eu vou costurar os outros tecidos que já tenho aqui. O clima aqui em Brasília tá tão seco que não consigo fazer nada. Mas assim que passar esse climão, eu vou voltar a costurar!

  4. Bianca Geisler 07/09/2015

    Adorei! Essa alça diferente ficou realmente interessante. Era óbvio que ela ficaria satisfeita.
    Ah, e o tecido também é um amorzinho.

    Beijos,
    Bi.

    http://www.naogostodeunicornios.com

    • Mariana Brito respondeu Bianca Geisler 23/09/2015

      Hahaha! Essa alça diferente meio que surgiu por acaso, porque errei a costura e o corte do tecido e tive que ir atrás de uma solução pra não perder a peça toda. Ainda bem que deu esse erro, porque se não fosse assim, ela teria uma blusinha super sem graça e basicona. Fico feliz que tenha gostado. Até mais!