Fotografia
6 on 6: março de 2017
Fotografia
6 on 6: abril de 2017
Fotografia
6 on 6: agosto de 2017
Dicas
Siga a Minka Winka nas redes sociais
Dicas
Dicas para atualizar a decoração

Intercâmbio

Continue Lendo

Olá, pessoal. Como estão?

Esse provavelmente será o último post sobre o intercâmbio aqui no Gema. Completou três meses que voltamos da terra do canguru e já é hora de deixarmos essa experiência incrível para trás e focarmos no futuro. Mas para que isso seja possível, falta encerrar a seção de intercâmbio do blog com chave de ouro, com o resumão das experiências mais marcantes vividas por lá.

Quem mais quer saber das experiências maravilhosas na Austrália?

1// Premiere do filme Hateful Eight

Estava um belo dia voltando da loja da Apple, havia acabado de comprar o meu iPhone, quando vejo em frente ao Event Cinemas um enorme tapete vermelho. Não é por nada não, mas já sou vacinada! Bastou ver os seguranças com seus pontos no ouvido, grades separando os transeuntes da equipe de produção e uma singela plateia ansiosa com suas câmeras fotográficas para sacar que coisa boa iria acontecer. Decidi aguardar para ver! Foram mais de três horas de espera para finalmente conseguir estrear a câmera do meu iPhone com uma foto do Quentin Tarantino. Se valeu a pena? Com certeza! Não sou grande fã do diretor e nem dos atores do filme, mas foi uma experiência maravilhosa ver de perto como funciona uma premiere e pegar o autógrafos de grandes nomes de Hollywood.

2// Show da cantora Melanie Martinez

A Nayara estava saindo da aula quando percebeu uma movimentação de jovens coloridas e exóticas na rua da escola. Como ela adora uma muvuca, decidiu seguir a multidão para ver do que se tratava, e acabou descobrindo que aconteceria ali, no meio da rua e para qualquer um ver, um show da Melanie Martinez. Embora ela não conhecesse a cantora, ficou para assistir e gravar as canções Pity Party, Cry Baby, Mrs. Potato Head e outras.

Acabou que ela se surpreendeu totalmente com a apresentação e virou fã da cantora — mas não o suficiente para aguentar cerca de quatro horas na fila para pegar um autógrafo e tirar uma foto…

3// Participação do programa This Time Next Year e The Voice Austrália

Toda sexta-feira os professores de inglês programavam atividades para incentivar a interação entre os alunos, e foi assim que acabamos na plateia de dois programas de TV: o não tão conhecido This Time Next Year e o The Voice Austrália. O primeiro traz histórias de superação onde os convidados se propõem a realizar algo em um ano e depois voltar para contar como foi o processo. É um programa bastante dramático que promete arrancar lágrimas dos mais sensíveis. Vimos de tudo no dia da gravação, de pessoas que sofreram ataques de tubarão a pessoas que queriam perder peso para caber no vestido de noiva.

Já o segundo programa foi o The Voice Australia. Confesso que foi bastante empolgante no início e bem cansativo no final. As primeiras horas de gravação – quase três! – foram somente para fazer o vídeo clipe de abertura do programa, resultando em menos de 10 minutos de vídeo. Toda essa espera me fez refletir no trabalho que dá fazer filmes e séries. Já pensou em quanto tempo é investido para fazer um longa de 2 horas?

Uma das coisas que não gostei foi a forma como a produção tratou a plateia. Ficamos mais de sete horas no local e só nos deram um pacote com três biscoitos para aguentarmos até de madrugada. Aconteceram mais algumas coisas chatas durante as gravações que nos fizeram voltar para o dormitório antes do tempo previsto. Mas tirando tudo isso, foi uma experiência única e valeu a pena. Cantamos junto com os competidores, vimos de pertinho vários artistas, torcemos para alguns concorrentes e ainda conhecemos fãs brasileiros na plateia.

4// Gravações do K-Movie Single Rider

Houve uma época não tão recente em que eu era viciada em filmes e séries coreanas. Ainda assisto de vez em quando, mas não é uma febre como costumava ser. No entanto, meu coração deu uma acelerada e enchi de empolgação quando vi uma equipe coreana gravando uma cena na esquina da minha acomodação. Se fosse alguns anos atrás, eu tenho certeza que teria ido à loucura.

Os sinais se repetiram da mesma forma como ocorreu na Premiere do filme Hateful Eight: seguranças, filmadoras, pontos no ouvido e uma multidão oriental com seus celulares na mão. Pensei comigo, alguma coisa interessante está acontecendo aqui. Tem cheiro de gravação de filme no ar. Mais tarde acabei descobrindo que se travava das filmagens do filme Single Rider, que retrata a história de uma adolescente coreana que foi tentar a vida em Sydney com o visto de trabalho e turismo, exatamente a situação de vários orientais de lá. Assistimos às gravações até o final e foi bem legal acompanhar tudo de perto. Estou ansiosa para assistir ao filme e apontar todas as cenas que vi serem gravadas. Ah, e para quem está se perguntando, os atores eram a Sohee do grupo Wonder Girls e o ator Lee Byung-Hun de RED e Exterminador do Futuro: Gênesis.

As experiências maravilhosas não se resumem só a essas cinco, mas achei que elas mereciam uma atenção especial por se tratarem de momentos empolgantes das nossas vidas. Espero que tenham gostado de acompanhar os posts do intercâmbio junto com a gente e que de certa forma tenhamos despertado em vocês a vontade de viajar.

Até mais!

 Facebook  |  Twitter  |  Instagram da Mariana  |  Instagram da Nayara  |  DeviantArt  | Bloglovin’

Gostou? compartilhe
postado por
Mariana

Gêmea mais nova e fissurada por jogos de tabuleiro. Amante das artes e fascinada por fazer as coisas com as próprias mãos. Se não consegue encontrar na loja o que deseja, vai lá e faz.

Continue Lendo

5 comportamentos inusitados dos australianos

Olá, pessoal. Como vocês estão?

Quando você vive em um outro país por um tempo é inevitável presenciar comportamentos diferentes vindos dos nativos. A gente sabe que a cultura de um país é única e, quando estamos dispostos a morar em uma nova nação, precisamos respeitar os costumes, mesmo que eles sejam um pouquinho diferentes dos que estamos acostumados. Mas isso não quer dizer que não podemos estranhá-los e acharmos dignos de serem citados em um post exclusivo aqui no blog. Vocês estão prestes a conhecer os costumes mais estranhos e inusitados dos australianos e, se você acha que vai ler sobre como os australianos costumam andar descalços na rua, você está enganado. Venha se surpreender com as atitudes mais inusitadas dos moradores da terra do canguru.

1// Isso foi de longe o que mais me surpreendeu. E olha que não aconteceu só uma vez. Um dia caminhando para a escola me deparei com um homem bem arrumado catando um graveto do chão. Até aí tudo bem. O que estranhei foi o que ele fez em seguida. Sabem aquele espaço entre duas pedras ou cerâmicas das calçadas? Então, o homem estava usando o graveto para retirar bitucas de cigarro desses vãos para fumar mais tarde! Outra vez vi um casal fazendo a mesma coisa, retirando bitucas de cigarro de frestas no chão e colocando dentro de uma sacola que já estava pela metade de restos de cigarro. Quando comentei com meus colegas o que tinha presenciado, eles falaram que isso acontecia devido ao alto custo do maço de cigarro no país. O que as pessoas não fazem para sustentar um vício, não é mesmo?

2// É bastante comum a galera sair da escola, pegar o ônibus e descer direto nas praias mais populares de Sydney. E como nem sempre os jovens estão de roupa de banho, eles entram na água com a roupa íntima que tiverem usando mesmo. Já presenciei muitas meninas e meninos fazendo isso. Você acha que eles se intimidam com a transparência das calcinhas e cuecas? Não, não. Eles querem saber é de praia!

3// Toda cidade grande tem seus moradores de rua e em Sydney não seria diferente. O que me chamou mais a atenção é que eles fazem da mendicância uma profissão, com carga horária e tudo. Cansei de ver os mesmo mendigos chegando a seus pontos antes das 7h da manhã, descarregando seus pertences das malas, como colchão, travesseiro, copinho, etc, organizando o cantinho e começando o “trabalho”. O mais engraçado é que a maioria deles pede dinheiro em uma posição muito incômoda e bastante humilhante, de joelhos e cabeça baixa tocando o chão, como se tivessem rezando. Quando escurece, eles começam a recolher as coisas e vão embora. Um outro dia, passando eu e a Nay em frente ao Mc Donalds, vimos um morador de rua no chão com um laptop e dois celulares totalmente entretido em seus afazeres. Não estou dizendo que são todos assim e também não estou aqui julgando ou recriminando. Só estou contando o que vi de diferente e que isso de certa forma chamou a minha atenção.

4// Aqui no Brasil é bem comum vermos crianças novinhas passeando no colo dos pais, a pé ou em carrinhos. Acontece que na Austrália parece que elas não sabem andar, só acompanham os pais em carrinhos de bebê. Sério, cheguei a ver crianças de mais de 8 anos em carrinhos brincando com seus iPads enquanto a mãe se matava para empurrar a criança ladeira acima. A gente sabe que é muito mais prático bebês andarem de carrinho, mas acontece que quando as crianças não são mais bebês, alguma coisa aí está errada. Bora estimular essa garotada a trabalhar os músculos das pernas! Lembro que fiquei chocada quando vi isso porque era uma situação bastante comum no meu dia-a-dia.

5// A televisão aberta da Austrália se parece bastante com a brasileira, exceto pela quantidade de programas de culinária. Os australianos são fissurados em programas de culinária e é certeza que se você ligar a TV em qualquer emissora, algum competidor estará preparando algum prato para ser avaliados pelos jurados. Esses programas têm tanta aceitação do público que é bem comum ver propagandas espalhadas em diversos pontos da cidade.

Bem, pessoal. É isso. Espero que vocês tenham entendido que o propósito deste post não é julgar, nem reclamar e muito menos discriminar o modo de vida dos australianos. Só quis contar para vocês o que vi de mais inusitado durante o período que vivi por lá. Mas então, o que vocês acharam mais diferente? Alguém aqui já visitou alguma outra cidade, estado ou país e queira compartilhar o que considerou mais estranho? Eu adoraria saber mais nos comentários.

Um beijão e até a próxima.

 Facebook  |  Twitter  |  Instagram da Mariana  |  Instagram da Nayara  |  DeviantArt  | Bloglovin’

Gostou? compartilhe
postado por
Mariana

Gêmea mais nova e fissurada por jogos de tabuleiro. Amante das artes e fascinada por fazer as coisas com as próprias mãos. Se não consegue encontrar na loja o que deseja, vai lá e faz.

Continue Lendo
Olá, pessoal. Como vocês estão? Já estava com saudades de fazer essa saudação aqui no blog! Depois de 5 meses do outro lado do mundo, estamos de volta! E uma das coisas que posso dizer sem pestanejar é que essa experiência foi a melhor coisa que aconteceu comigo. Conheci pessoas de vários lugares do mundo, experimentei comidas que nunca pensei que existissem, convivi com pessoas de diferentes culturas, vivi...
Continue Lendo
Olá, pessoal. Tudo bem com vocês? Desde semana passada que a decoração do bairro chinês que eu moro mudou drasticamente, isso porque começaram os preparativos para o Ano Novo Chinês que, por sinal, foi comemorado ontem. Até o dia 21 de fevereiro a cidade de Sydney vai contar com vários eventos gratuitos, como workshops, shows, feiras, para receber de braços abertos o início do ano-novo lunar. Uma das...
Continue Lendo
Olá, pessoal. Como vocês estão? Um dos primeiros passeios que fiz quando cheguei foi uma visita ao mirante de Mount Coot-tha, o ponto mais alto de Brisbane. Em seus 287 metros de altura, é possível ter uma visão panorâmica de toda a cidade e também de Moreton Bay, uma baía a 14km do centro. A vista é realmente de tirar o fôlego. Querem ver? E foi isso, pessoal! Espero muito que tenham gostado...
Continue Lendo
Olá, pessoal! Como vocês estão? Recentemente visitei Gold Coast, cidade a quase 90km de Brisbane, conhecida pelas suas lindas praias, pela prática de surfe e pelos grandes parques temáticos. Visitei Coolangatta, uma das várias praias da região, e tive que elegê-la como umas das mais linda que já vi até hoje. Areia branquinha, clima agradável, formações rochosas espetaculares, ondas altas e água na temperatura ideal para dar aquele mergulho!...
Continue Lendo
Olá, pessoal. Como vocês estão? Tenho uma novidade: em breve mudarei para Sydney para passar o restante do intercâmbio por lá. Como ainda falta muita coisa legal para conhecer em Brisbane e arredores, estou lutando contra o tempo para visitar todos esses lugares a tempo da mudança. Há algumas semanas visitei o Springbrook National Park (cerca de 100km de Brisbane), uma floresta de montanha bastante úmida e gelada,...
Continue Lendo
Olá, pessoal. Como vocês estão? Muita coisa aconteceu nas últimas semanas. Eu me mudei para Brisbane, Austrália, para estudar inglês e estou morando sozinha em um país estrangeiro. Estou longe da minha irmã gêmea pela primeira vez na minha vida e, para minha grande surpresa, estou conseguindo me virar bem com toda essa mudança. Ainda no Brasil, eu achava que não conseguiria dar conta de tanta novidade. Que não conseguiria me comunicar em inglês, que não...
Continue Lendo
Olá, pessoal. Como vocês estão? O tempo aqui em Brisbane parece que voa – nem parece que já estou há mais de um mês estudando inglês na Austrália. Por causa da correria, tento explorar o máximo possível todas as coisas que vejo por aqui: mudo constantemente o percurso que faço para ir e voltar da escola, tento olhar os lugares conhecidos de outros ângulos e tento visitar o maior número de...
Continue Lendo
Olá, pessoal! Como vocês estão? Apesar da correria, estou procurando tempo para fazer todo tipo de passeio aqui em Brisbane. Recentemente, eu visitei o zoológico Lone Pine Koala Sanctuary, um reduto de preservação dos coalas, que além dos animais que dão nome ao zoo, também  têm cangurus, demônios-da-Tasmânia, ornitorrincos, morcegões (do tamanho de um cachorro), aves, cães selvagens, cobras (como a Taipan, a mais mortal do mundo) e muitos outros. Gostei muito...