Viagem
Conhecendo o Chile de norte a sul
Fotografia
6 on 6: abril de 2017
Fotografia
6 on 6: agosto de 2017
Dicas
Siga a Minka Winka nas redes sociais
Ilustração
Usando bico de pena pela primeira vez

tapeçaria de parede

Continue Lendo

Olá, pessoal. Como vocês estão?

Criei o Coisas Aleatórias porque fiquei com uma imensa vontade de escrever uma série de posts mais despretensiosa, sem amarras, onde eu pudesse mostrar coisas interessantes que eu gostei, vivenciei, experimentei ou descobri por aí. Não estipulei uma quantidade de tópicos, porque eu não quero me prender a um número, tema ou qualquer outro parâmetro; quero simplesmente compartilhar coisas que me despertaram algum sentimento bom e torcer para que despertem algo em vocês também.

1// Chromecast 2

Chromecast 2

Tapeçaria de parede

Nossa TV aqui em casa não é smart e sempre quando queremos assistir alguma coisa no Netflix, precisamos acoplar um computador à televisão com um cabo HDMI. Por causa da trabalheira que dá e do recém-vício que meu pai adquiriu em assistir séries e documentários do Netflix, compramos um Chromecast 2 para usar na televisão. Com o aparelhinho, conseguimos usar qualquer smartphone que tenha o aplicativo do Netflix instalado como um controle remoto e conseguimos, também, acessar o catálogo de filmes ao mesmo tempo em que um filme está rodando na televisão. Bem prático, né? Além disso, ficou mais fácil usar o campo de pesquisa do site, porque escrevemos direto no teclado do smartphone. Muito melhor do que escrever letra por letra com o controle remoto como acontece com a smart tv, né?

Eu estou gostando demais dessa turbinada que demos na televisão, e assistir ao Netflix ficou muito mais fácil, principalmente porque algumas funções de configuração, como mudar legenda, avançar, dar play, pausar, mudar áudio e colocar legendas, passaram para o smartphone. Mas o Chromecast não se restringe a Netflix não. Também é possível espelhar vídeos do Youtube do smartphone para a televisão usando o celular como controle, assim como jogar Just Dance Now. Ainda não testei essa última funcionalidade, mas estou doida para botar em prática.

2// No filter

No Filter

Esse foi o primeiro filme chileno que eu me lembro de ter assistido na vida. Ele está no catálogo do Netflix e acabei o escolhendo porque a sinopse me pareceu leve e descontraída. Ó: “Ela era um capacho para o mundo, mas tudo mudou depois de uma acupuntura. As agulhas tiraram a dor…E sua paciência”. O que pareceu ser bobo, acabou se transformando numa complexa reflexão sobre o mundo virtual, sobre a relação da nossa geração com a internet e sobre a busca da fama instantânea, sem deixar de questionar a importância que damos para as curtidas e como tudo isso está afetando as nossas relações.

Caso você queira assistir a uma comédia sobre crescimento pessoal e que ainda questione o nosso cotidiano de uma forma suave e divertida, No filter é uma ótima escolha.

3// Tapeçaria de parede

Tapeçaria de paredeTapeçaria de parede

O meu vício por tapeçarias de parede começou no início do ano e desde então já confeccionei duas para decorar o estúdio do Gema. Eu fiz um tear manual adicionando pregos às duas extremidades de uma bandeja e comecei minha aventura pela tecelagem. Comprei novelos, agulhas, pentes e tudo o que tinha direito e teci essas duas tapeçarias que vocês podem ver aí em cima.
Cada uma demorou cerca de dois dias para ser finalizado — porque ainda não peguei o jeito —, mas o processo é extremamente terapêutico, e, conforme você vai avançando e a tapeçaria vai criando forma, o sentimento de satisfação toma conta. É incrível o poder do trabalho artesanal, não é?

Gostei demais de escrever esse post mais livre, principalmente porque a escrita fluiu muito bem. Agora eu percebo que deixei de escrever muitos posts porque simplesmente não estava encontrando o “lugar certo” para eles, mas com o Coisas Aleatórias, sinto que não terei mais tantos problemas.

Espero que vocês tenham gostado do post de hoje.

Até mais.

Facebook  |  Twitter  |  Instagram da Mariana  |  Instagram da Nayara  |  DeviantArt  | Bloglovin’

Gostou? compartilhe
postado por
Nayara
Futura escritora e a mais velha das gêmeas. Gosto de desenvolver projetos e compartilhar o processo criativo nesse cantinho que tanto amo. Afinal, melhor do que criar é mostrar que é possível fazer as coisas você mesmo.
Continue Lendo

Oi, pessoal. Como vocês estão?

Nas minhas andanças pelo Pinterest e Instagram, não deixo de me encantar com a beleza das tapeçarias de parede. Usadas na decoração de interiores com mais frequência nos últimos anos, as tapeçarias (Woven wall hanging, woven tapestry, em inglês) vieram para dar um toque mais lúdico e irreverente ao ambiente, um contraponto à tendência industrial que deixa tudo muito sóbrio e impessoal.

Embora o seu uso ainda não esteja amplamente disseminado no Brasil, já é possível ver alguns indícios de que a sua aceitação está próxima — revistas de decoração, sites e blogs sobre o assunto apontam as tapeçarias de parede como o próximo must have da decoração de interiores aqui no país.

Tapeçarias de parede

tapeçarias de parede_1

Feitas em um tear manual ou com uma técnica de nós chamada macramê, é a característica artesanal que mais chama a atenção nas tapeçarias de parede. Tudo isso aliado a uma paleta de cores agradável, a contrastes de espessura de linhas e a texturas diversas,  faz do item o centro das atenções em qualquer ambiente que esteja.

tapeçarias de parede_2

Eu gosto tanto das tapeçarias de parede que até já fiz duas para decorar o estúdio do Gema de Ovo. Quem segue o Instagram (@nayara_h382) já deve ter visto alguma coisa, mas planejo fazer um post mais elaborado em breve para mostrá-las a vocês.

O que vocês acharam do post de hoje? Usariam tapeçarias de parede como um item de decoração? Nos deixe sua opinião nos comentários, pois adoraríamos lê-la.

Espero que vocês tenham gostado do post de hoje e até a próxima!

Facebook  |  Twitter  |  Instagram da Mariana  |  Instagram da Nayara  |  DeviantArt  | Bloglovin’

Gostou? compartilhe
postado por
Nayara
Futura escritora e a mais velha das gêmeas. Gosto de desenvolver projetos e compartilhar o processo criativo nesse cantinho que tanto amo. Afinal, melhor do que criar é mostrar que é possível fazer as coisas você mesmo.